/Úteis

15/set/11 por Ana Jacque

Crie seu próprio game

FacebookTwitterPinterestEmail

Jogo transforma jogadores em desenvolvedores

Editora Globo

O game Storybricks, da empresa londrina Namaste Entertainmet, vai usar inteligência artificial para que as pessoas possam programar os personagens e histórias que criarem. O jogador passa a ser um desenvolvedor de games. E a melhor parte é que o jogo pode nunca ter fim, se seu criador assim quiser.

A popularidade de games sociais como o LittleBigPLanet, que permite criar cenários e regras novas, mostra que as pessoas adoram manipular ambientes virtuais e gostam de compartilhar suas criações com os outros. No entanto, fazer os próprios personagens requer muita programação e planejamento de cada detalhe.

A ideia do Storybricks é que o jogador “diga” ao programa como são as características de seu personagem e o software inteligente prevê suas ações. O jogador monta seu personagem adicionando características, chamadas de bricks (tijolos, em português). Quanto mais tijolos, mais ações e comportamentos possíveis um personagem terá em cada situação.

Esses tijolos dão direções aos personagens, como “querer” ou “sentir medo”. Outras influências são características mais gerais, como “desonestidade”, “paquerador” e até conceitos como “amor”. Todas essas ideias são associados a ações como “roubar” ou “dar”, que ficam disponíveis dependendo dos eventos do game. Os jogadores podem usar essas características para construir sequências de ação e diálogos para continuar a história.

Por exemplo, um jogador pode criar um cenário onde uma rainha deixa sua coroa na casa de seu amante e pede para que o jogador recupere-a. Ao mesmo tempo, o rei envia um espião para seguir o jogador. Em um jogo comum, já estaria estabelecido que acontece um duelo antes do jogador pegar a coroa. No entanto, em Storybricks, os jogadores são livres para criar caminhos diferentes, como mentir ao espião.

Os desenvolvedores esperam que o Storybricks, que deve ser lançado em 2012, permita que os jogadores criem personagens, cenários e histórias impensados pela Namaste. Se tudo der certo, uma série de games gerados por usuários, onde grupos de amigos joguem games totalmente diferentes uns dos outros, poderão surgir no futuro. Por enquanto, a empresa não revela mais detalhes do jogo.

Fonte: revistagalileu.globo.com

Tags relacionadas

Envie para um amigo

(Use a vírgula para informar mais de um endereço)

0

Comentários

/Outras Seções

/ Twitter @ GogoJob

"Diretor de Arte – Fortaleza http://t.co/GOCCGWC6l6 #GogoJob"
"Estágio em Direção de Arte – João Pessoa http://t.co/s5ZK9GaFU4 #GogoJob"
"Estágio em Redação – João Pessoa http://t.co/ZgQZFNK7io #GogoJob"
"Designer Gráfico – Recife http://t.co/0DKHnIFrp5 #GogoJob"
"Estágio em Redação – Recife http://t.co/JGh1zxBNOx #GogoJob"
"Confira as nossas últimas vagas - http://t.co/ycMdi5gyhz #GogoJob"
"Designer Gráfico – Recife http://t.co/ynPZ1zIkpD #GogoJob"
"Diretor de Arte Júnior – Recife http://t.co/n1lreZVRfh #GogoJob"
"Entrevista com Max Leal, publicitário paraibano que será homenageado em Gramado - http://t.co/wnWj9eybsr #GogoJob"

2004-2019 © Todos os direitos reservados Gogojob
Empregos e Formação Publicitária no Nordeste
Desenvolvido por Concepto Internet, utilizando o WordPress